Renda Brasil ou Renda Cidadã

Renda Brasil ou Renda Cidadã? Substituto do auxílio e Bolsa Família

Vem sendo analisada a criação de um programa novo que irá ser o substituto do auxílio emergencial e do Bolsa Família. Ele vem sendo planejado pelo Ministério da Cidadania. No entanto, o que mais vem se discutindo é sobre o valor do novo benefício.

Isso porque o novo benefício pretende pagar um valor superior ao atual benefício. No entanto, isso é uma tarefa complicada. Alguns parlamentares têm afirmado que o novo benefício poderá ser pago a partir do mês de agosto.

O Senador Fernando Bezerra do MDB do Pernambuco afirmou que o novo programa deve substituir o Bolsa Família. E a melhor parte é que o benefício deve atingir um número maior de beneficiários. Permitindo que funcione também como um substituto do auxílio emergencial.

Leia também:

Renda Básica de Cidadania: STF ordena inclusão no orçamento

Como liberar acesso Caixa Tem e desbloquear o app

Renda Brasil ou Renda Cidadã

Esse novo projeto está na mesa, sendo estudado pelo Ministério da Cidadania. Existe uma expectativa de que no mês de julho o projeto seja entregue para que os pagamentos se iniciem no mês de agosto.

Agosto é o mês em que deve se encerrar o pagamento do auxílio emergencial. Mas, a parte mais interessante desse substituto do auxílio emergencial e Bolsa Família é que seu valor deve ser maior que o atualmente pago pelos dois benefícios.

Atualmente o Bolsa Família paga em média R$ 192,00. Esse novo benefício deve ser superior a R$ 250,00, já que é o atual valor médio pago pelo auxílio.

O controle do novo programa deve ficar por conta do Ministério da Cidadania, que já é responsável por controlar o Bolsa Família. Acredita-se que se esse programa sair do papel os R$ 35 bilhões que seriam usados para o Bolsa Família serão destinados ao novo programa.

Algo que viabiliza a implementação de um novo benefício é a economia que foi feita com o orçamento do Bolsa Família. Pois, boa parte dos beneficiários passaram a receber o auxílio emergencial que tem um orçamento separado.

Contudo, em 2020 já se procurou um substituto do auxílio emergencial e do Bolsa Família, mas não saiu do papel. Foram propostos o Renda Brasil e o Renda Cidadã. Mas, nenhum deles vingou devido à falta de onde tirar recursos financeiros.

Em busca de melhorar sua aprovação, o governo federal também pensa em lançar um benefício chamado BIP (Bônus de Inclusão Produtiva). Ele seria pago para trabalhadores informais e para os jovens que não estão trabalhando.

Deixe um comentário